Criadores do Sul

Muy Guappa, frescor de pura elegância

Bárbara Russowsky assina uma moda que reflete exatamente o desejo de uma mulher cosmopolita que prefere deixar tendências efêmeras de lado em prol de um visual sofisticado, embora fresco, contemporâneo. Com sua Muy Guappa, que lança coleção de verão nesta quinta, em POA, Babi, como a querida estilista é conhecida, nos brinda com uma alma sutilmente rocker em sua linha de alfaiataria e no couro que já se tornou uma tradição de sua marca, uma das favoritas de moçoilas com savoir-vivre. Très chic!

Porque a gente ama:

A Muy Guappa tem peças atemporais, mas sempre com um toque especial, com um detalhe do agora, com um quezinho transgressor – que ela pode sugerir até mesmo na combinação das peças, sempre inspiradora. As coleções mais recentes, de umas seis temporadas para cá, revelam o amadurecimento do selo e quase todas se combinam de alguma forma, criando um novo visual conforme as peças ingressam no closet da cliente – sim, você pode compor as novidades com o seu acervo Muy Guappa de um jeitinho maravilhoso, tudo se coordena.

O charme de vestidos de couro, macacões, saias e paletós refletem muito o universo inspiracional – e encantador – da criadora, que passeia pelos anos 1960, pela estética mod, pelo estilo de divas francesas que ainda estão pulsando em nosso imaginário, como Jane Birkin, pelo estilo balneário chique para verões brasileiros, como nesta estação. É esse caleidoscópio de diferentes semelhanças – sim, afinal todos os moods se interligam – que se observa até no look mais clássico da Muy Guappa.

O que só a marca tem:

As peças impecáveis de couro são uma marca registrada da Muy Guappa, no que se torna até curioso se pensarmos que ela não é uma grife estritamente especializada nessa matéria-prima. Interessante é que a produção é totalmente local e 85% vinda do próprio ateliê. Os macacões, as saias e os vestidos são do tipo que provocam a cobiça fashion de imediato – e vão perdurar, assim como a maioria das criações da Babi – por muitas temporadas.

Os tecidos naturais (ou neo-sustentáveis, como o liocel, de celulose) se destacam, o que torna o toque da roupa também uma delícia. Os vestidos com recortes estratégicos e as cinturas marcadas em saias de movimento preciso, assim como as peças de alfaiataria impecável, protagonizam o estilo natural-chique desta estação. E o que é muito Muy Guappa? A mistura de tudo isso: couro, seda, algodão, alfaiataria, despojamento.

Nas redes:

Instagram: @muyguappa

Facebook: /muyguappa

Onde encontrar:

No ateliê em Porto Alegre (R. Hilário Ribeiro, 191), onde a estilista, inclusive, produz peças de couro sob medida na cor escolhida pela cliente, em multimarcas e no e-commerce.

Deixe uma resposta