Ouse

Largue o pijama já!

Neste longo período de isolamento para controle da transmissão do Covid-19, se arrumar tornou-se desnecessário, afinal, uma das vantagens do home office é ter um pijamão como parceiro profissional, certo? Não. Errado. Pode ter certeza, por nossas próprias experiências e por dicas de especialistas em produtividade mundo afora, que se arrumar um pouquinho é o melhor que você tem a fazer para atiçar sua criatividade, organizar melhor sua rotina e focar com precisão no trabalho.

Pati Pontalti está sempre descalça, mas ama caprichar no vestido envelope de tricô da Rafaela Tomazzoni

Sabe por quê? Especialistas no assunto observam que se você ficar de pijama ou totalmente largadona, sabendo que ninguém irá ver você, seu cérebro entende que é o momento de relaxar e entra no modo “férias”. O resultado? Você fica mais lenta e suscetível a distrações. Viu? Portanto, siga nossas dicas e comece já uma nova rotina, inclusive quando você não estiver trabalhando, viu? Faz bem se fazer bonita, principalmente para você mesma, que, afinal, é quem mais importa, não é mesmo?

Maquiagem e cabelo

Se você quer aproveitar e ficar de cara limpa, tudo bem, mas não custa nadinha passar um batonzão vermelho, cor associada a poder e realização – e que faz a gente ficar arrasadora, né? Se você quiser ir além, tire a palidez da pele com o combo básico de qualquer make-up essencial: depois do seu tratamento diário de beleza, aplique um filtro solar com cor, disfarce as olheiras com corretivo e use uma máscara para cílios. Cinco minutinhos que proporcionam um up no seu layout, né? Quanto aos cabelos, se curtos, bagunce, experimente um novo jeito de pentear, aplique um spray, inove, use uma tiara, um lenço. Se longos e trabalhosos, um bom rabo de cavalo ou coque garante elegância imediata sem qualquer ônus.

Faça como a Pati Parenza, aproveite e aplique uma máscara

Ah! Aproveite para cuidar bem da sua pele, com um tempinho extra dedicado a procedimentos que nem sempre temos tempo de realizar, como esfoliações, máscaras, tratamentos complementares. E pense que você ainda pode trabalhar de máscara de buenas, né?

Acessórios

Um brinco, um batom vermelho, um novo astral

Eis aqui outro detalhinho responsável por pequenos milagres de humor. Coloque um brinco, um colar, uma gargantilha, um ponto de cor no pulso, como uma pulseira. Nada de excesso, apenas um mimo para você mesma.

Roupa

Pontalti com conjunto de moletom da RGloor, conforto a toda prova

Pense em conforto, mas sem perder o estilo. Moletons, calças jogger, jeans, camisetas coloridas ou com as estampas de sua preferência, vestidos tubos, cardigãs alongados, vestidos t-shirt ou chemisiers, roupas de modelagens amplas e tecidos gostosos que te fazem bonita na hora, mantendo sempre o primordial dentro de casa, o bem-estar. Deixe de lado os sapatos, uma escolha perfeita para garantir um ambiente higienizado e também para a delícia de estar à vontade. Use meias, pantufas e outros fofuras caseiras para os pés (sobram opções).

Parenza com chemisier delíicia da Carla Carlin

Redescoberta

Pontalti em momento glamour-divertido na cozinha com camisa da Yolo Brands

Quer saber? Este período sem exigências de dress code, com agenda mais flexível, sem a necessidade de se transportar de um lado para outro, é maravilhoso para experimentar novas ideias para incrementar o visual. Por que não se desafiar a criar novas combinações, misturas peças que você nunca imaginou, criar dias temáticas para se divertir (festa, fantasia, cores ou estampas) e tornar a roupa um elemento perfeito para suavizar o peso de um cotidiano muitas vezes desgastante e alinhado com medos e angústias. Mergulhe no seu closet, pire, se diverta. Ninguém está vendo mesmo. Use a moda para fazer seu dia a dia mais leve. Pode funcionar, viu?

Deixe uma resposta